Páginas

Pesquisar no Blog

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Será o renascimento da Engesa?



Esse era o carro de combate Osório da empresa Engesa, uma empresa reconhecida nos anos 80 por fabricar o melhor tanque de guerra do mundo com tecnologia brasileira.
Em um teste feito na Arábia Saudita junto com os principais tanques de guerra do mundo o tanque brasileiro ficou em primeiro lugar com 8 tiros de 12 com alvo em movimento, em segundo lugar ficaram os americanos com 6 tiros em 12, em terceiro lugar os ingleses com 1 tiro em 12 e por fim os franceses que não acertaram nenhum tiro, provando dessa forma a superioridade da tecnologia brasileira que infelizmente foi sepultada pelo calote dos iraquianos de 200 milhões de dólares e pela pressão americana para que não comprassem o Osório brasileiro.

Uma empresa de alto nível e mostrando uma concorrência igualitária com empresas de países de primeiro mundo sofreu por falta de investimento e apoio do governo brasileiro.

No dia 7 de setembro de 2009 com um acordo entre Brasil e França a Engesaer pode renascer no lugar da extinta engesa como a nova mediadora de transferência de tecnologia entre países extrangeiros e o Brasil como também ser responsável pela revisão e modernização do projeto Osório para por o Brasil entre o seleto grupo de países produtores de armamento.

Não apoio a guerra, porém ter blindados e armamentos com tecnologia brasileira assegura ao Brasil e futuramente a Unasul/Unasur um sistema mais seguro de defesa de nossas fronteiras e recursos naturais, dando ao povo sul americano o poder de eventualmente defender-se com a força, mas usando sempre a diplomacia e a justiça na resolução de seus problemas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página